Dom Pedrito – Ação conjunta resulta em apreensão de meia tonelada de carne

    53dbf098.jpg

    Dentro das ações previstas no projeto ACINSER, foi realizada nesta sexta-feira (1), uma operação de combate ao abigeato e comércio ilegal de produtos de origem animal, com a participação da Patrulha Rural da Brigada Militar, Vigilância Sanitária, ICMS, Policia Civil e Secretaria de Agricultura.

     

    No estabelecimento comercial denominado Casa da Lingüiça, foram apreendidos 540 Kg de carne bovina, frango, ovina e suína, sem procedência, em estado de putrefação e imprópria para consumo.

     

    O proprietário Alexandre Gomes de Moraes Neto foi preso em flagrante e apresentado a delegacia de policia, juntamente com a mercadoria, conforme art 7º, inc IX da Lei 8.137/90. (Crime contra as relações de consumo: – vender, ter em depósito para vender ou expor à venda ou, de qualquer forma, entregar matéria-prima ou mercadoria, em condições impróprias ao consumo). Logo em seguida foi  lavrado o respectivo auto de prisão e posterior conduzido ao Presídio Estadual de Dom Pedrito.

     

    O proprietário da Casa da Linguiça, Alexandre Gomes de Moraes Neto, disse que “existe um freezer de carne de descarte, e o mesmo não fica no corpo da casa onde funciona o comércio, e por isso essa carne apreendida não seria comercializada. Além do que tudo o que foi apreendido foi comprado com Nota Fiscal e todas elas estão com o advogado que está cuidando do caso”.

    Reportagem: Elliézer Garcez 
    Por: Marcelo Brum – MTB/RS 84.490 – FENAJ 8202
    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br