Dom Pedrito – Projeto sobre Arquivo Público Municipal é apresentado em reunião

    53e5183e.jpg

    Ontem (07), foi apresentado no Salão Nobre da Prefeitura Municipal, pelo Diretor do Museu Paulo Firpo, Adilson Nunes de Oliveira, o projeto que prevê a cedência pelo Estado de um imóvel para a Prefeitura. Trata-se do prédio onde funcionou a Inspetoria Veterinária, na Rua Júlio de Castilhos, quase em frente ao Museu. O mesmo está abandonado, desde 1987, quando incendiou.

     

    Pelo projeto, o imóvel irá se destinar a abrigar o Arquivo Público Municipal, após as intervenções previstas. O executivo municipal, paralelamente, enviará à Câmara de Vereadores projeto de lei para que seja criado o Arquivo Público, instituição que será destinada a preservar a documentação gerada, no passado e na atualidade, pela administração, podendo receber também arquivo do legislativo e do judiciário bem como acervo cartorial de Dom Pedrito. O arquivo ainda terá impactos sociais e culturais, pois a acessibilidade aos documentos garante boa governança, apropriação, pela comunidade, dessas fontes de sua vida político-administrativa, passada e presente, estimulando novos estudos sobre a história local, transparência administrativa e conta também com seus efeitos sobre a cidadania. 

     

    A guarda e conservação adequadas desses documentos são prevista na Constituição Federal, na chamada Lei dos Arquivos e, está indiretamente ligada, à Comissão da Verdade. Precisa-se salientar que os arquivos, por sua complexidade, necessitam de pessoal capacitado, abrindo, portanto, novas frentes de trabalho- arquivistas, conservadores, restauradores e historiadores. Estiveram presentes na reunião o Prefeito Lídio Bastos, o Secretário de Planejamento, Luiz Eduardo Carpe, Representantes da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, Representantes da Vice Prefeita Adriana Lara, da Central de Projetos e do Assessor de Cultura.

     

    "O projeto que deverá receber contribuições de outras secretarias, foi muito bem aceito pelos presentes à reunião e, como elaborador, sinto-me satisfeito por ter colaborado com a administração municipal, retornando a essa ideia que persigo há mais de 10 anos. Na realidade são duas propostas, uma é a cedência do imóvel para o município e a outra, a criação formal e legal do Arquivo Público Municipal. Esta última necessitará aprovação da Câmara Municipal de Vereadores", salienta o idealizador do projeto, Adilson Nunes.

     

    Fonte: Museu Paulo Firo
    Jornalista Responsável: Marcelo Brum – MTB/RS 84.490 – FENAJ 8202
    Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br